fbpx

Dicas para estimular crianças a fazer lição de casa


Mesmo para adultos, é difícil memorizar rapidamente uma nova informação apresentada. Dessa forma, para que a memória de curto prazo se converta em memória de longo prazo, é preciso treinar o cérebro por meio de repetições. Esse é o sentido da lição de casa, que tem por objetivo relembrar os alunos sobre o que eles aprenderam na escola.

Mas, e quando as crianças não entendem essa importância e demonstram alguma resistência?

Confira as dicas para os pais ajudarem seus filhos a manterem essa responsabilidade em dia!

 

Demonstre interesse pela vida escolar dos seus filhos

Demonstrar interesse pela vida escolar dos seus filhos como um todo, aumenta o nível de credibilidade e confiança que eles possuem em você quando for preciso opinar em tarefas extras.

O que inclui levar e buscar na escola, mesmo que às vezes; participar de reuniões, eventos e atividades; permitir que recebam visitas de seus colegas em casa quando possível e também fazer perguntas sobre seu cotidiano.

Essa é uma forma de participar de todo o processo e se tornar um mentor(a) com quem as crianças podem contar. A atitude da presença contínua fará mais sentido do que uma “intervenção” apenas em determinado momento de lição de casa.

 

Não ceda às birras e evite chantagens emocionais

Se sabemos que a birra é uma atitude infantil, ceder a ela é negociar no mesmo nível emocional de uma criança. Portanto se a criança faz birra na hora de fazer suas atividades, evite as clássicas chantagens com punições ou recompensas.

Em um primeiro momento, pode ser melhor ignorar até que a raiva diminua. Isso faz com que essa criança não sinta poder sobre seus pais. Em seguida, tente uma comunicação aberta, capaz de ouvir com sinceridade seus problemas quanto à lição de casa.

Quando os pais estão abertos, os filhos tendem a ser sinceros e te permitem descobrir o motivo real da questão. Pode ser algo de origem emocional ou bloqueio com determinada matéria. Sem julgamentos, você poderá ajudá-los muito mais!

 

Uma boa noite de sono!

Considerando que as lições de casa ajudam a guardar as informações na memória de longo prazo, o sono é responsável por fixá-las no cérebro.

Um boa noite de sono com cerca de 8 horas, portanto, é essencial para o aprendizado efetivo. Ou seja, quando os alunos aprendem na escola, treinam em casa e depois dormem bem, as chances são menores de evitar os famosos “brancos” de esquecimento.

Dormir sempre no mesmo horário também deverá fazer parte da rotina estudantil, fortalecendo um ciclo de hábitos saudáveis.

 

Rotina entre deveres e diversão           

Criar uma rotina com horários pré-estabelecidos para as lições pode ajudar na organização dos deveres. No entanto, permita também momentos de pausa ou mesmo diversão para que a motivação não se perca.

A própria lição de casa não deve ser vista como algo enfadonho e para isto, existem técnicas para estimular o interesse. Apenas tome cuidado para não querer fazer o trabalho pelos seus filhos!

Um outro ponto é preencher o tempo com atividades enriquecedoras mesmo quando não há lições de casa. Estimule seus filhos a manterem contato com livros, games educativos e pesquisas na internet de forma proativa. Assim, os estudos se tornam algo natural e não apenas uma obrigação imposta pela escola.

Gostou das dicas? Deixe sua opinião ou acrescente outras sugestões nos comentários!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Menu