fbpx

Os 5 benefícios de crescer entre irmãos


Ter mais filhos é uma oportunidade não apenas para os casais reviverem várias etapas da infância e reforçarem os laços de família, mas também de crescimento emocional para as crianças.

Afinal, a relação entre irmãos é única e permitirá que eles aprendam uns com os outros. Seja essa ou não sua configuração familiar atual, vale a pena saber quais são os pontos positivos.

 

Compartilhar e abrir mão

São muitas as coisas que você aprende a compartilhar quando se tem mais irmãos em casa. Desde a própria atenção dos pais até os brinquedos.

Neste sentido, compartilhar também representa o ato de abrir mão de algo que seria exclusivamente da criança. Assim, ela também aprende a praticar o desapego de uma maneira saudável. Uma aprendizagem a ser reforçada especialmente durante a primeira infância, quando sabemos que o seu mundo tende a girar em torno de si mesma.

Ao dividir ela ameniza suas possíveis tendências negativas como o egoísmo e potencializa qualidades como a da solidariedade.

 

Desenvolver uma relação próxima de amizade

Muitas vezes essa é a primeira oportunidade de que a criança desenvolva uma relação de amizade, antes de chegar à escola. Ainda que os irmãos sejam mais velhos ou mais novos, por terem o mesmo papel na família, tendem a ser vistos como seus pares iguais.

Poderão ser cúmplices e se ajudar diante de dificuldades. Essa relação também reforça o sentimento de união e de pertencimento. Além disso, são uma ótima companhia para brincar.

Ter irmãos como amigos e até conselheiros, com certeza reforçará valores de companheirismo positivos.

 

Aprendendo a lidar com as diferenças

Girl Please Wtf GIF by Flighthouse - Find & Share on GIPHY

Querendo ou não é normal, e até mesmo esperado, que os irmãos se desentendam em algum momento e briguem entre si. Quando dentro de certos limites esses conflitos na verdade também estão reforçando as diferenças que surgem devido ao contraste de idade, gênero e personalidade de cada um.

Apesar de parecer apenas negativo, essa não deixa de ser uma oportunidade para que seus filhos comecem a lidar com opiniões e atitudes que fogem às suas expectativas. Afinal, essa é uma das principais premissas de todo o mundo exterior no qual irão crescer e precisar se desenvolver.

Dessa forma, também poderão aprender a administrar sentimentos como os de raiva e tristeza que não devem ser ignorados.

 

Mais independência

Por não serem o centro das atenções, filhos que crescem entre irmãos tendem a desenvolver sua independência mais rapidamente. Em especial para os mais velhos, a chegada de outras crianças não deixa de ser um convite para aprenderem a não depender tanto dos pais, que também precisam se dedicar aos outros irmãos menores por mais tempo.

 

Resoluções de Problemas

O simples fato de viver em uma família mais numerosa levará a criança a se deparar com um número maior de experiências no lar, tanto positivas quanto negativas. Mesmo que não briguem diretamente entre si, os próprios problemas vivenciados por seus irmãos podem ser uma oportunidade de aprendizado.

Como por exemplo um irmão ou irmã mais velha que repita de ano e indiretamente incentive os mais novos a se dedicarem na escola para evitar a mesma situação.

Deixe nos comentários se você concorda ou tem mais pontos a acrescentar!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Menu