fbpx

As crianças não serão vacinadas contra Covid-19?


O reinício das aulas em todo o país, quase concomitante com o início da vacinação contra Covid-19, despertou sobretudo a dúvida em muitos pais e mães: as crianças não serão vacinadas contra Covid-19? Por que, nos planos de vacinação divulgados até o momento, elas não aparecem como potenciais receptores do medicamento? Não seria melhor vaciná-las de uma vez por todas para que as escolas possam voltar sem restrições?

De fato, as crianças ainda estão fora dos planos de imunização. Mas não há motivo para revolta. Pelo menos por enquanto, essa exclusão pode ser benéfica para elas. Confira 4 razões pelas quais elas não são prioritárias no calendário de vacinação:

Ainda não houve testes em crianças

Os infectologistas são unânimes. Os grupos etários só podem ser vacinados depois de terem sido testados. E as fabricantes das diversas vacinas disponíveis ainda não testaram as crianças.

Risco do coronavírus para as crianças é menor

Diversos estudos ao redor do mundo já provaram que a Covid-19 oferece poucos riscos às crianças, de forma geral.

Crianças não transmitem o vírus facilmente

Ao contrário do que se pensava no início da pandemia, hoje já indícios científicos suficientes para atestar que as crianças não transmitem a doença com a mesma facilidade que os adultos.

Medidas de segurança são eficientes

O uso de máscaras faciais, a higienização constante das mãos e a manutenção de boa ventilação natural nos ambientes são bastante eficientes para impedir a contaminação entre as crianças. Com as medidas de segurança sendo bem observadas, certamente voltar para a escola é seguro.

Eventualmente, a imunização chegará também aos nossos filhos. Todos os laboratórios e países que desenvolvem os atuais tipos de vacina disponíveis já anunciaram o início de testes com crianças e adolescentes de diferentes idades.

Até lá, porém, que tal não descuidar das outras vacinas? A Organização Mundial da Saúde alertou que, pela primeira vez em 30 anos, houve declínio na taxa de vacinação de rotina em 2020, por conta da pandemia. Verifique a carteirinha de seu filho e coloque as vacinas em dia. Afinal, o coronavírus não é a única ameaça à saúde das crianças.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Menu