fbpx

A importância de praticar a cidadania


A importância de praticar a cidadania. Será que só votar nas eleições já é o suficiente?

Conforme sabemos, todas as cidades brasileiras acabaram de passar pelas eleições municipais. Assim sendo, uma boa parte delas ainda vai voltar às urnas dentro de alguns dias para escolher seus prefeitos em segundo turno. Classificado como um dos mais importantes exercício de cidadania, certamente o ato de votar simboliza a nossa participação ativa na formulação das leis e das políticas. Que regem e ajudam a construir a sociedade.

Mas, será que só isso basta?

Se acaso olharmos um retrospecto os últimos 30 anos, em que temos votado no Brasil, podemos afirmar que estamos exercendo plenamente nossa cidadania?

A resposta à segunda pergunta é pessoal, claro. Já para a primeira, é possível afirmar que, se queremos participar ativamente da construção de uma sociedade melhor, certamente votar não pode ser o único momento em que exercemos nossa cidadania.

É fundamental termos uma atitude cidadã o ano inteiro.

Assim sendo, o desenvolvimento socioemocional é de suma importância.

Duas das competências socioemocionais tão importantes no desenvolvimento pleno do ser humano são a consciência social e a tomada de decisão responsável. Com o desenvolvimento da primeira, aprendemos a pensar e a agir de forma ética e responsável, para o bem coletivo. Dessa forma, atingimos um equilíbrio entre privado e público. Além de pensar no que é melhor para si, o cidadão passa também a se preocupar com o todo do qual faz parte. Por exemplo como a escola onde estuda, o bairro em que reside, a cidade e o mundo em que vive.

A importância de praticar a cidadania

Com a consciência cidadã desenvolvida, ele precisa também da tomada de decisão. Responsável por entender que cada gesto, cada atitude, por mais simples que pareça, tem impactos na coletividade e na forma como vivemos no planeta. A tomada de decisão responsável é fundamental, inclusive, para melhorar a forma como escolhemos os candidatos que merecem o nosso voto. Como resultado, uma escolha consciente, com reflexão e análise da situação presente para planejar o futuro que queremos, aumenta muito as chances de melhorarmos a qualidade dos governantes eleitos.

E você? Está pronto para fazer a diferença? Conheça mais sobre as habilidades socioemocionais e confira algumas dicas práticas para melhorar a sua tomada de decisões.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Menu