fbpx

Três truques infalíveis para seus filhos lerem mais!


Não é de hoje que ‘ler’ é tido como um dos hábitos mais ricos para nossa formação. Seja na infância ou na fase adulta, é através da leitura que nos tornamos seres ‘buscantes’, pensantes e criativos.

Dada essa importância, nós separamos alguns truques bacanas para te ajudar a naturalizar a leitura na rotina dos pequenos desde cedo, tirando o máximo dela.

1. Busque obras que sejam do interesse deles  

Não existe maneira melhor de incentivar um hábito do que o associá-lo a algo que a gente gosta. Por isso, busque saber o que tem despertado o interesse do seu filho para assim, transferir isso para os livros.

É fato que nossos pequenos preferem passar mais tempo clicando do que folheando páginas, no entanto, existem diversos livros que trazem à tona e de maneira interessante a temática virtual que parte da criançada tanto adora.

O mundo digital não precisa ser uma ameaça. Por vezes, dá sim para unir o útil ao agradável e de maneira benéfica.

2. Leve-os em ambientes estimulantes  

Bibliotecas, livrarias e também as famosas bienais são opções diferenciadas e divertidas para construir o hábito da leitura para além do quarto ou da sala de estar.    

Bienal do Livro: além da grande oferta de livros, a Bienal do Livro costuma contar com uma programação cultural abrangente, que mescla literatura, gastronomia, cultura, negócios e muita diversão.

Bibliotecas: tidas como pontos turísticos, as bibliotecas conservam, organizam e disponibilizam uma gama incontável de opções para explorar a literatura. Sem contar o passeio histórico que é visitar uma!  

Livrarias: em construções modernas e interativas, as livrarias criam um ambiente agradável para ler um bom livro, sendo possível encontrar desde antigos registros até os mais modernos lançamentos da literatura.  

Esses diferentes espaços colocam os pequenos em um outro nível de envolvimento com a leitura.   

3. Momento reflexão  

Decifrar palavras é essencial, mas mais do que isso, é compreender e interpretar o que cada uma quer dizer. Por isso, para incentivar uma leitura mais ativa, procure conversar com os pequenos sobre o que eles vêm lendo.

“O que você tirou disso?”, “Me conte mais sobre!”, “Qual sua parte favorita da história? Por quê?”  

Provocações desse tipo tornam a leitura muito mais rica e instigam as crianças a:  

– Trabalharem o imaginário junto do raciocínio interpretativo e crítico.  

– Trabalharem a atenção ao ler para poderem tecer comentários e reflexões.  

– Expressarem o que pensam sem medo.  

– Desejarem ter outras histórias para contar. 

Conclusão

As palavras tornam o exercício de pensar muito mais leve por meio da imaginação. Todavia, a leitura ainda carrega consigo uma importância tamanha, de peso crucial para tornar cada um de nós seres humanos mais críticos, pensantes e questionadores.   

Em cada leitura, cabe a nós trazer significado atribuindo sentido e interpretação. O estímulo deve ser constante e desde cedo, para que as crianças entendam sua importância tornando o ‘ler’ parte integrante de suas vidas! 


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Menu