fbpx

Homeoffice e homeschooling, tudo junto e misturado


Homeoffice e homeschooling, tudo junto e misturado. Confira as habilidades socioemocionais que vão ajudá-la a vencer esse desafio.

A esperança de uma solução para a pandemia de Covid-19 que nos permita retornar às aulas presenciais nas escolas e ao ritmo de trabalho fora de casa parece ainda distante. Embora a maioria de nós já tenha encontrado alguns caminhos próprios a esta altura, administrar essa situação de homeoffice e homeschooling ao mesmo tempo por um período indeterminado aumenta o desafio. Especialmente quando as soluções inicialmente adotadas começam a dar sinais de esgotamento.

Primeiramente é hora de repensar combinados, modelos e expectativas. Algumas habilidades socioemocionais podem nos ajudar a lidar melhor com tudo isso:

Tolerância ao estresse

ajuda a controlar a ansiedade, a manter a calma e o equilíbrio para que as preocupações não nos impeçam de resolver os problemas.

Foco e persistência

Nos ajudam a lidar com todas as tarefas, selecionando as mais importantes para resolução imediata e persistindo na busca das soluções.

Empatia

Permite que nos coloquemos no lugar do outro a fim de entender suas necessidades e sentimentos e para ativar a nossa generosidade e consideração.

Criatividade

Agindo de forma criativa, ativamos nossas emoções e inovamos a fim de encontrar formas diferentes de lidar com o dia a dia.

Agora que você sabe quais habilidades socioemocionais são importantes, veja algumas dicas práticas para conciliar melhor o homeoffice e o homoschooling por ainda mais tempo:

Reduza as expectativas 

Neste momento, o aspecto emocional começa a merecer mais importância do que o conteúdo, especialmente para crianças menores. Ative a sua tolerância ao estresse e, se não for possível acompanhar todas as aulas remotas, pule algumas. Explique a situação à escola e peça ajuda aos professores dos seus filhos.

Escolha as prioridades

Usando a habilidade de foco e persistência, faça um planejamento da semana com tudo o que não pode ficar para depois. O restante, encaixe da maneira que for possível.

Cada coisa na sua hora

O trabalho é importante, é o que mantém as contas em dia. Portanto, precisa ser bem feito. Isso não quer dizer, porém, que deva prevalecer sobre todo o resto. Use a sua empatia para perceber que a família também precisa de atenção e crie momentos de presença integral – com o telefone e o whatsapp desligados – para dar atenção aos filhos e saber como ele estão e de que forma você pode auxiliá-los.

Aprenda a delegar

Se cada um fizer um pouco, todos se ajudam e ninguém precisa ficar sobrecarregado. Use a criatividade para delegar tarefas e se libertar da crença de que você é responsável, sozinha, por tudo o que precisa ser feito.


3 Comentários. Deixe novo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Menu